Faça uma doação pelo nosso trabalho

Ache vários Livros de Concursos Aqui!!!

Julio César Concursos. página Inicial, Clique Aqui.

Nova Ortografia Oficial

O que mudou na Ortografia Brasileira:

Faça o download da Apostila!!!

NOVA ORTOGRAFIA OFICIAL

1 – O alfabeto

Agora nosso alfabeto passa a ser composto de 26 letras, admitindo de vez as letra K, W e Y que, normalmente, já eram usadas em nomes estrangeiros ou em símbolos de medidas. Exemplos:

Karen, Wilson, Hygor.

Km, Kg, Watt.

São elas:

A, B, C, D, E, F, G, H, I, J, K, L, M, N, O, P, Q, R, S, T, U, V, W, X, Y, Z.

—————————————————————————————–

2 – O trema

O trema passa a ser usado somente em palavras estrangeiras e nas suas derivações. Exemplos:

Müller, Mülleriano

Nas demais palavras deixará de ser usado.

Exemplos:

Palavras como:

Lingüiça, freqüência, tranqüilo.

Ficam assim:

Linguiça, frequência e tranquilo.

—————————————————————————————–

3 – As regras de acentuação

I - Os ditongos abertos éi e ói em palavras paroxítonas perdem o acento. Exemplos:

Palavras como:

Alcatéia, Coréia, bóia e jibóia

Ficam assim:

Alcateia, Coreia, boia e jiboia

Mas atenção: O acento continua em ditongos abertos de palavras monossílabas e oxítonas.

Exemplos: dói, constrói, herói, troféu, papéis, anéis, etc.

II - Depois de ditongo, em palavras paroxítonas, o i e o u tônicos deixam de ser acentuados:

Palavras como:

Baiúca, bocaiúva, taoísta, boiúna

Ficam assim:

Baiuca, bocaiuva, taoista, boiuna

Mas atenção: Em palavras oxítonas com i ou u no final (ou seguidos de s) o acento permanece:

Exemplos: Piauí, tuiuiú, tuiuiús…

III – Palavras terminadas em êem ou ôo(s) perdem o acento:

Palavras como:

Enjôo, magôo, vôos, crêem, lêem

Ficam assim:

Enjoo, magoo, voos, creem, leem

IV – Palavras homógrafas (que possuem mesma grafia) perdem o acento diferencial.

Palavras como:

Pára (verbo), pêlo (substantivo), pólo (substantivo)

Ficam assim:

Para (verbo), pelo (substantivo), polo (substantivo)

Mas atenção: O acento continua sendo usado no verbo poder, na 3ª pessoa do pretérito perfeito – “pôde”. E também no verbo “pôr” (sem o acento se torna preposição – ”por”).

Nos verbos ter e vir e nos seus derivados (manter, deter, convir, intervir, etc.), o acento que diferencia o singular do plural continua.

Exemplos:

Ele tem dois empregos. / Eles têm dois empregos.

Ela vem de Campinas. / Elas vêm de Campinas.

Ele mantém a postura. / Eles mantêm a postura.

Obs: O acento circunflexo fica facultativo, podendo ser usado para deixar a frase mais clara, nas palavras (forma / fôrma). Exemplo:

Essa é a forma da fôrma de pizza.

V – Deixa de ser acentuada a letra u em formas verbais rizotônicas (quando o radical (raiz) do verbo leva o acento tônico), precidida das letra “g” e “q” e antes de “e” e “i” (gue, que, gui, qui).

Exemplos:

Palavras como:

Argúi, apazigúe, enxagúe.

Ficam assim:

Argui, apazigue, enxague.

—————————————————————————————–

4 – O hífen

I – O hífen sempre existirá diante de palavras iniciadas por h.

Exemplos:

Sobre-humano, mini-hotel, anti-higiênico, super-homem, extra-humano, semi-herbáceo, etc.

Mas atenção: A palavra “subumano” consiste em uma exceção, perdendo o h da palavra humano.

II – O hífen não será usado em palavras com prefixo, ou falso prefixo, terminado por uma vogal e com a palavra seguinte iniciada por vogal diferente.

Exemplos:

Palavras como:

Semi-automático, auto-escola, anti-americano, infra-estrutura, etc.

Ficam assim:

Semiautomático, autoescola, antiamericano, infraestrutura, etc.

Mas atenção: com o prefixo co ocorre a aglutinação, mesmo com a palavra seguinte se iniciando por o.

Exemplos:

Coordenar, coobrigação, cooperar, etc.

III – O hífen não será usado em palavra iniciada por consoante + prefixo terminado em vogal.

Exemplos:

Autoproteção, semideus, microcomputador, etc.

Mas atenção: Sempre existirá hífen com o prefixo vice.

Exemplos:

Vice-prefeito, vice-rei, vice-presidente, etc.

Obs: Palavras que começam pelas letras r ou s + prefixo que termina em vogal não terão hífen e essas letras (r, s) ficaram duplicadas.

Exemplos:

Palavras como:

Ante-sala, anti-rugas, infra-som, etc.

Ficam assim:

Antessala, antirrugas, infrassom, etc.

IV – Em prefixo terminado em vogal + palavra começada pela mesma vogal, usa-se o hífen.

Exemplos:

Palavras como:

Microondas, antiinflamatório, microorgânico, etc.

Ficam assim:

Micro-ondas, anti-inflamatório, micro-orgânico, etc.

V – Para prefixo que termine por consoante haverá o hífen se a palavra seguinte começar por uma consoante igual.

Exemplos:

Inter-racial, inter-regional, sub-bibliotecário, etc.

Mas atenção: Para os demais casos, não haverá hífen.

Exemplos:

Hipermercado, superinteressante, intermunicipal, etc.

Obs 1: Em palavras iniciadas por r, b e h com o prefixo sub usa-se hífen.

Exemplos:

Sub-região, sub-raça, sub-bloco, sub-homem, etc.

Obs 2: Os prefixos circum e pan são precedidos de hífen quando a próxima palavra for iniciada por m, n e vogal.

Exemplos:

Circum-navegação, pan-americano, etc.

VI – Em prefixo terminado por consoante + palavra iniciada por vogal, não se usa hífen.

Exemplos:

Hiperativo, superamigo, interestatual, etc.

VII – O hífen sempre será usado diante dos prefixos: pré, pós, pró, recém, além, aquém, ex, sem.

Exemplos:

Ex-funcionário, pré-vestibular, recém-nascida, sem-terra, etc.

VIII – Para sufixo de origem tupi-guarani como: Açu, guaçu, mirim, deve-se usar hífen.

Exemplos:

Amoré-guaçu, capim-açu, etc.

IX – O hífen deve ser usado em duas ou mais palavras que, quando se agrupam, formam um encadeamento vocabular.

Exemplos:

Ponte Rio-Niterói, eixo Rio-São Paulo, etc.

X – Em palavras que perderam a noção de composição, o hífen não será usado.

Exemplos:

Palavras como:

Manda-chuva, pára-quedas, pára-lama, pára-vento, etc.

Ficam assim:

Mandachuva, paraquedas, paralama, paravento, etc.

XI – Para clareza de escrita (gráfica) ao se separar uma palavra que coincida com o hífen no final da linha, esse deve ser repetido no início da próxima linha.

Exemplos:

Patrão vira sócio de ex-

-funcionário.

É a segunda vez que o micro-

-ondas quebra.

———————————-

Estude pela apostila e treine o que aprendeu com os “testes online“.

5 comments to Nova Ortografia Oficial

Leave a Reply

  

  

  

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Antes de postar, por favor, responda a pergunta.

Quanto é 8 + 3?

Pesquisa personalizada